Aqui no Usei Uma Vez não nos cansamos de dizer: o vestido certo é aquele que combina com a noiva, independente do que é moda na época em que acontece o casamento. Mas conhecer as tendências para casamentos pode ajudar a inspirar as noivinhas que estão à procura do modelo perfeito. Por isso, listamos algumas das nossas apostas para o ano de 2019.

1. Silhueta justa

O corte mais seco e com menos volume vem aparecendo em algumas das novas coleções de grandes maisons, como a Oscar de la Renta.

Esse tipo de corte é contemporâneo e mais despojado que os vestidos com saia volumosa. Por falar em saia, nesses modelos ela pode descer reta a partir da cintura ou do quadril ou ser mais soltinha, opção que disfarça gordurinhas e quadris largos. A silhueta justa costuma cair melhor em noivas mais altas, pois em noivas mais baixinhas pode encurtar a silhueta.

Inspire-se em alguns dos modelos que temos no acervo Usei Uma Vez:

Vestido de noiva - Nanna Martinez

Nanna Martinez

Vestido de noiva - Paulo Dolce

Paulo Dolce

Vestido de noiva - Junior Santaella

Junior Santaella

 

2. Sobresaia

O vestido de noiva com saia sobreposta também é uma das tendências para casamentos em 2019. Ele é uma ótima opção para as noivas que não abrem mão da saia volumosa e/ou uma grande cauda, mas também querem praticidade na hora da festa.  A saia sobreposta é removível e garante dois looks para a noiva, sem precisar trocar o vestido.

3. Vestidos bordados

Chiara Ferragni nos encantou com o segundo vestido de noiva todo bordado em linha à mão com trechos da música Favorisca i Sentimenti, composta pelo marido Fedez, e um pequeno Leão, que faz referência ao filho do casal, Leone. Por que é tão diferente? A maioria dos bordados de vestido de noiva usam pedrarias, mas, no vestido de Chiara, ela optou por utilizar apenas linhas coloridas. A técnica permite criar texturas e desenhos one of a kind, para um vestido super especial.

São poucas as mulheres que assumiriam um bordado como o de Chiara no vestido de noiva, mas opções mais tradicionais – mas também lindas e surpreendentes – podem ser uma forma de subir ao altar com modelos únicos e inesquecíveis.

4. Gola alta

De novo, a trend setter Chiara Ferragni optou por outro detalhe pouco usado pelas noivas, mas que garante um look super chique e diferente: o decote alto (no caso dela, com gola e tudo!), que é uma das tendências para casamentos em 2019.

O decote alto não precisa ser usado apenas em igrejas mais tradicionais que não permitem decotes. Ele pode ser uma escolha da noiva, que quer um look elegante e sensual.

Vestido de noiva - Paulo Dolce

Paulo Dolce

Vestido de noiva - Pronovias

Pronovias

 

Vestido de noiva - Sandro Barros

Sandro Barros

5. Manga 3/4

A manga longa para o vestido de noiva é uma das opções mais clássicas, mas já foi bastante usada. Chiara e Meghan Markle optaram por modelos ¾, que ficaram lindos e super chiques.

A manga ¾ combina com todo tipo de cerimônia, desde a mais tradicional até as mais despojadas, seja no verão ou no inverno.

Vestido de noiva - Samuel Cirnansck

Samuel Cirnansck

Vestido de noiva - Pronovias

Pronovias

Vestido de noiva - Pronovias

Pronovias

6. Liso/Minimalista

Os vestidos lisos e minimalistas foram uma das tendências que voltaram com força em 2018 e devem continuar em 2019, até porque são modelos atemporais, que nunca saem de moda. Já falamos sobre eles nesse post, vale (re)ler!

Vestido de noiva - Vitor Zerbinato

Vitor Zerbinato

Vestido de noiva - Pronovias

Pronovias

7. Escolhas conscientes

Nossa última, porém mais importante aposta para 2019, é o casamento com escolhas conscientes. Já demos dicas para as noivas que pensam em fazer um casamento sustentável e conversamos com a Diretora Educacional do Fashion Revolution Brasil para entender melhor sobre moda consciente, e cada dia temos mais certeza que esse é o caminho para tornar o dia do casamento (e a vida!) ainda mais especial.

A noiva pode fazer como a Princesa Eugenie e proibir o plástico em todas as etapas do casamento. Ou, ainda, fazer escolhas sustentáveis e socialmente conscientes na hora de escolher o vestido, por exemplo. Comprar vestido de noiva de segunda mão já é uma maneira de reduzir os impactos negativos da produção no meio ambiente, mas você também pode reaproveitar tecidos antigos. Saber quem produz seu vestido e/ou os produtos que compõem a decoração do casamento também é uma forma de incentivar a produção local e ser fiel a seus propósitos.