Casar com um lindo vestido é o sonho de toda noiva e aqui no Usei Uma Vez temos o privilégio de compartilhar esse momento com mulheres de todos os cantos do Brasil. Uma delas é a Juliana Nicoli, que casou em agosto de 2018 com um modelo Pronovias do nosso acervo. Confira qual foi a história dela com esse vestido e suas dicas para quem está pensando em comprar um vestido de noiva de segunda mão.

Amor à primeira vista ao terceiro vestido

Quando resolvemos que iríamos casar, fiz um cronograma de datas e valores prováveis para meu casamento, e fui resolvendo as pendências conforme o cronograma. Meu vestido havia ficado para final do ano de 2017 e eu havia programado dois dias intensos de visitas às lojas de grandes nomes de vestidos de noiva em São Paulo.

Porém, em setembro de 2017, conheci o Usei Uma Vez quando uma amiga comentou sobre ele, e fui pesquisar. Vi todas as redes sociais e fiquei apaixonada por alguns modelos. Não tinha um modelo pronto na cabeça, só sabia que queria me apaixonar pelo vestido.

Liguei e tentei marcar uma visita no ateliê em 12 de outubro, mas não estavam funcionando. Então, dia 17 de outubro, fui conhecer o ateliê… Confesso que não tinha opinião formada se queria ou não um vestido de segunda mão. Queria vê-los e senti-los… ver as condições e, principalmente, sentir o vestido no meu corpo.

E foi amor ao terceiro vestido. Me apaixonei não pelo vestido que eu imaginava, mas por um outro que pedi para vestir. Era novo, ainda com etiqueta e lindo. No mesmo dia levei o vestido embora. Mas o que mais impressionou era que todos os vestidos eram lindos, impecáveis e valiam à pena demais. Não somente no preço, mas em todos os aspectos: lindos, limpos, bem cuidados e não pareciam vestidos uma vez usados…

E, então, desmarquei minha sessão vestidos de noiva em São Paulo e guardei meu vestido até o grande dia. A mantilha que usei, acabei fazendo, e combinou perfeitamente com meu vestido. Ficou um sonho.

A já digo… mandarei meu vestido para vender no Usei Uma Vez. O ciclo de amor tem que ser renovado e sustentável. Aposte em um vestido usado e que te traga ainda mais amor. E além de recomendar, já mandei algumas clientes … algumas compraram e amaram a experiencia e outras para vender, como minha cunhada e minha sogra.

Juliana com o marido e os sogros. O vestido Fabiana Milazzo de tom nude e bordados colorido da mãe do noivo está à venda no Usei Uma Vez.

Dicas da Ju

Primeiro, quando se propor a comprar um vestido usado, vá de coração aberto. Esses vestidos têm alma… são lindos tanto quanto um novo e quem faz o vestido ser incrível e a própria noiva, eu garanto. Era um sonho casar e sempre desejei ir além da beleza. Queria agregar valor, beleza, sustentabilidade e alma. No Usei Uma Vez consegui.

Então se puder dar dicas anota aí:

  • Vá de coração aberto;
  • Vista os vestidos;
  • Sinta-os;
  • Se imagine no grande dia com eles;
  • Avalie o estado dele, se te agrada;
  • Aproveite o valor. São muito mais baratos do que vestidos feitos sob medida;
  • E sonhe com o grande dia…. será incrível…

Você também já comprou ou vendeu um vestido usado? Conta para a gente o que te motivou a fazer essa escolha!

Fotografias: Daniel Santos